Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Intimidades Reveladas



Domingo, 04.05.14

Como salvar seu casamento depois da traição

A infidelidade é uma devastadora de casamentos. Sempre tem aquele amigo que diz: “se você não lembra você não fez”, “se for pra fazer, faça direito e não deixe ela descobrir”, ou coisas do tipo. Esses comentários podem nos levar a pensar que trair não apenas é seguro como também é algo intrínseco ao ser humano. Afinal, por que às vezes não resistimos enganar quem amamos quando temos sempre a escolha de ser solteiro e desimpedido? Para os cientistas tais atitudes só ajudam afundar ainda mais o seu relacionamento. Se você caiu nessa enrascada e não quer admitir para ela o que fez, veja cinco conselhos que a ciência tem para te dar.

 

1) Assuma o que você fez
Manter a infidelidade em segredo é na verdade mais danoso para o casamento do que quando o assunto vem à tona, de acordo com uma pesquisa da Universidade de Washington e da Universidade da Califórnia Los Angeles publicada na revista Couple and Family Psyhcology: Research and Practice.

O estudo analisou a vida de 134 casais e descobriu que em 19 deles pelo menos um dos parceiros já havia traído o outro. Alguns deles não haviam revelado a traição, enquanto outros sim. Durante cinco anos, os pesquisadores examinaram a satisfação e estabilidade marital no relacionamento dos casais, bem como se eles ficaram juntos ou se separaram. A moral da história é que a maior taxa de divórcios (80%) foi entre casais que não confessaram a traição. Por outro lado, entre os casais que admitiram terem traído seus parceiros a taxa de divórcio caiu para 43%. Essa pesquisa dá esperanças para alguns casais depois da infidelidade.

2) Se a coisa estiver muito "feia", procure ajuda
É meio chato dizer isso, mas às vezes é melhor se conformar e resolver o assunto na sala do psicólogo. Quando estamos envolvidos na situação, não conseguimos enxergar um palmo na frente do nariz e, nesses momentos delicados, um mediador só tem a ajudar. Ligar para aquele seu velho amigo para resolver essa pode ser tentador, porém é melhor dar preferência para uma pessoa de fora da sua vida social.O mediador não vai decidir nada por vocês, apenas conduzi-los para achar uma solução, e não se perder em discussões que saem do foco do problema real. Às vezes um profissional pode facilitar o entendimento entre vocês — é triste, mas é a vida meu amigo.

3) Esteja aberto a mudanças
Em geral, o passo mais importante na superação de uma traição é o casal estar aberto a mudar e corrigir os erros cometidos, diz Wendy Walsh, Ph.D em relacionamento e autora do livro, “The 30-Day Love Detox”. Isso também significa assumir os próprios erros. A mulher traída dificilmente voltará a confiar em você de novo se você não mudar. Não tem segredo, imagine que vocês são um time e precisam agir juntos para conseguir o que querem.

4) Entenda o motivo da traição
Para conseguir o que queremos, precisamos antes saber o que queremos. Reflita sobre o que aconteceu, pois é muito provável que você esteja infeliz em seu relacionamento, ou de alguma forma insatisfeito, o que te levou a sair e se distrair com outra pessoa. Isso não vai servir como desculpa, porém, vai te ajudar a definir se vale a pena continuar na relação e consultar um psicólogo, ou terminar.

5) Bola pra frente
Walsh afirma que é absolutamente possível que um casal supere a infidelidade. “Ter um affair com alguém é uma grande ruptura no relacionamento. Porém, se conseguir superar isso e consertar os erros, você pode ficar mais forte do que nunca”, garante ele. Claro que é muito mais fácil falar do que fazer, porém basta saber que é possível, e então colocamos em prática.

 

fonte:https://br.mulher.yahoo.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

por adm às 22:27




Pesquisar

Pesquisar no Blog